Paraguai:Relação Lugo-Uribe irrita Esquerda

As boas relações bilaterais entre Colômbia e Paraguai irritam cada vez mais os setores de esquerda. O menos tolerante é o Partido Comunista Paraguaio (PCP), que disse que Lugo e Rafael Filizzola estão desorientados em «ponderar, elogiar e agradecer os assessores militares e policiais da ditadura terrorista de Alvaro Uribe». Tekojoja também questionou o Presidente.

Fernando Lugo e seu ministro do Interior, Rafael Filizzola, agradeceram em várias ocasiões a Colômbia por assessorar o Paraguai em questões de segurança . Inclusive, o Presidente agradeceu pessoalmente o seu colega Alvaro Uribe pela ajuda colombiana. Foi em 23 de fevereiro, durante a cúpula de presidentes latinoamericanos em Cancún (México). A semana passada Lugo voltou a destacar que «com a Colômbia temos uma das melhores relações na América Latina. Informou que na cúpula (a celebrada no México) «o único presidente com o qual pedi uma reunião bilateral foi Uribe, para tratar de convênios de cooperação. Me assegurou (Uribe) que estamos em bom momento para extirpar o mal do sequestro e o terrorismo».

A aproximação pública do Poder Executivo com a Colômbia desatou uma o­nda de críticas do Espaço Unitário Congresso Popular (EUCP) contra Lugo. Este grupo, base política do Presidente, aglutina sete partidos da esquerda. Um dos questionamentos mais duros que recebeu o Mandatário foi o do Partido Comunista Paraguaio. «Os representantes dos poderes dentro e fora do governo, assim como os desorientados ou mal informados (dentro e fora do governo) ponderam, elogiam e agradecem os setores militares e policiais da ditadura terrorista de Alvaro Uribe», indica parte de um comunicado dado a conhecer pelo PCP, cujo Secretário Geral é Najeeb Amado. O Partido Tekojoja, apesar de oficialista, também questionou Lugo sobre sua relação com a Colômbia. O partido, presidido pelo senador Sixto Pereira, assegurou que Alvaro Uribe impulsiona «uma política encaminhada para institucionalizar um novo modelo de impunidade para os responsáveis pelas mais graves violações dos direitos humanos».

&nbsp

&nbsp

&nbsp

Fonte original: http://www.abc.com.py/abc/nota/84975-Relaci%C3%B3n-Lugo-Uribe-irrita-a-izquierda/

Traduzido por: Dario da Silva

&nbsp

NOTICIAS ANTICAPITALISTAS