IV Semana Internacional de Solidariedade com Euskal Herria

Desde que começou, esta iniciativa não fez mais que crescer e reproduzir-se em diferentes pontos da Europa e da América. O ano passado houve mais de 50 iniciativas em 13 países, nas quais se mobilizaram perto de 4000 pessoas. Este ano ascendem já a 18 os povos em que a solidariedade estará presente, sendo mais de 70 as iniciativas previstas: Alemanha, Irlanda, Escócia, Inglaterra, Suíça, Dinamarca, Noruega, Suécia, Itália, Eslovénia, Estado francês, Portugal, Castela, Cantábria ou Países Catalães são os exemplos na Europa, e Argentina, México, Uruguai ou Venezuela na América Latina.

O lema escolhido para este ano é «No caminho para o socialismo… liberdade para Euskal Herria», assinalando, por um lado, o desejo e a luta pela liberdade de Euskal Herria e, por outro, a repressão por parte dos estados. Os actos de solidariedade são muitos e variados: concentrações em frente às embaixadas espanholas ou francesas, murais reivindicativos, concertos, atos políticos, conferências, debates… Destaque, em primeiro lugar, para a ronda de conferências em diversos lugares com a colaboração de companheiros e companheiras da Etxerat, com o objetivo de denunciar a situação dos mais de 760 presos e presas políticos bascas; para além disso, terá lugar um tour que visa denunciar o caso do fechamento do diário Egunkaria e o processo judicial que se seguiu; e, por último, a estreia européia do documentário Itsasoaren alaba [Filha do mar], da responsabilidade da GITE-IPES.

Uma menção especial merece o trabalho dos Euskal Herriaren Lagunak em Itália, país no qual existem mais de uma dezena de grupos solidários, que convocaram cerca de trinta atos; entre estes, destaca-se a manifestação nacional de dia 20 de Fevereiro, em Milão, em que é esperada a participação de milhares de pessoas. Esta manifestação conta com a adesão de todos os grupos de solidariedade italianos, que se vão juntar a companheiras e companheiros solidários com a causa palestina, curda e de diversos povos latino-americanos.

Durante estes dias, receberemos mais uma vez o apoio incondicional de todos os nossos amigos e amigas num exercício de internacionalismo, de solidariedade e de ternura entre os povos. Porque no caminho para o socialismo e para a liberdade, este ano, Euskal Herria também não caminha só.

&nbsp

Aupa zuek!!!

Fonte: askapena.org via lahaine.org

NOTICIAS ANTICAPITALISTAS