Brasil. Serra, Temer e a Impunidade

Publicidad

Processo contra o senador José Serra (PSDB-SP) e os R$ 23 milhões na Suíça prescreve. STJ suspende processo contra o ex-presidente Michel Temer («quadrilhão do MDB»)por lavagem de dinheiro.

 

Decisão sigilosa saiu nesta sexta-feira 24/I

Em decisão sigilosa tomada nesta sexta-feira 24/I, o juiz eleitoral Francisco Shintate declarou nula a possibilidade de punição ao senador José Serra (PSDB-SP) no inquérito que investiga repasses da Odebrecht via caixa 2, segundo informações da revista Crusoé.

Serra foi beneficiado pela redução do tempo de prescrição da pena à qual poderia ser condenado: como tem mais de 70 anos, o prazo cai pela metade.

Em 2016, executivos da Odebrecht afirmaram aos investigadores da Operação Lava Jato que a campanha de Serra à Presidência da República em 2010 recebeu R$ 23 milhões da empreiteira, via caixa 2.

Eles revelaram que parte do dinheiro foi entregue no Brasil e parte foi paga por meio de depósitos bancários em uma conta na Suíça. Segundo a Folha de S.Paulo noticiou à época, o acerto do recurso no exterior foi feito com o ex-deputado federal Ronaldo Cezar Coelho (ex-PSDB), que integrou a coordenação política da campanha de Serra.

Já o caixa dois operado no Brasil, de acordo com os relatos, foi negociado com o também ex-deputado federal Márcio Fortes (PSDB-RJ), próximo de Serra.

.

https://www.conversaafiada.com.br/politica/processo-contra-serra-e-os-23-milhoes-na-suica-prescreve

********

STJ suspende processo contra Temer por lavagem de dinheiro

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha, suspendeu a tramitação de uma ação penal em São Paulo na qual o ex-presidente ilegítimo Michel Temer é acusado de lavagem de dinheiro.

O processo ficará parado até a Quinta Turma do tribunal decidir se esse caso pode se juntar a outro, que tramita na Justiça Federal de Brasília. Nesse, Temer é acusado de participar do chamado «quadrilhão do MDB». A informação é do portal G1.

Na análise em primeira instância, a Justiça Federal em São Paulo concordou com a união dos processos, mas os procuradores que atuam no caso recorreram e o TRF-3 decidiu manter as ações em varas distintas.

Ao conceder a liminar, Noronha argumentou que a decisão do TRF-3 era ilegal e poderia prejudicar a defesa de Temer.

O processo sobre lavagem de dinheiro tramita na 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo e se refere ao pagamento de R$ 1,6 milhão pela reforma na casa de Maristela, uma das filhas de Temer. O pagamento teria sido intermediado pelo coronel João Baptista Lima Filho, o famigerado Coronel Lima.

Além desse caso e do processo do «quadrilhão», Temer ainda é réu em uma ação penal na 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, por corrupção e peculato em um esquema na Eletronuclear.

.

https://www.conversaafiada.com.br/politica/stj-suspende-processo-contra-temer-por-lavagem-de-dinheiro

 

PS do Colaborador:

Fotoarte: “, , Há, Há, ,

 

 

También podría gustarte

Los comentarios están cerrados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More