Brasil. O que Paulo Preto e José Serra tem em comum?

Publicidad

 

Assim os dois são ladrões.

A casa de laranja do Serra tinha parede falsa!

Daniel Dantas também!

Colonista ilustrada da Fel-lha originária de uma aprazível região da Itália (possivelmente a Puglia) informa que o laranja do Serra, também conhecido como Paulo Preto ou Paulo Afrodescendente, tinha num apartamento no bairro da Vila Nova Conceição (portanto, vizinho de Setubal e Moreira Salles…) um cômodo com um quadro grande que era, na verdade, uma parede falsa:

– Um vão com prateleiras, onde Paulo deixava guardadas diversas malas, todas cheias de dinheiro.

Como se sabe, num outro imóvel, num jardim paulistano, ele botava notas contidas em outras malas para tomar sol e evitar o mofo.

Informa ainda a notória colonista que o doleiro dos tucanos, Adir Assad «chegou a retirar até (sic) 15 malas com R$ 1,5 milhão de uma casa que seria do ex-diretor da Dersa.»

Como sempre, o PiG omite o Serra, o Careca, o maior dos ladrões.

Tenta dar a impressão de que o laranja do Serra roubasse só para ele…

Fosse um ladrão solitário, sem cúmplices nem chefes.

Igualmente poupados pela ilustre colonista são o Aloysio 500 mil e o Santo do Alckmin, chefes e patronos do laranja do Serra.

Vale a pena ressaltar que Paulo Preto é um ladrão profissional.

Vejam só: acharam na conta bancária dele míseros R$ 396, quando tentaram bloqueá-lo.

Agora essa informação da parede falsa.

Um especial requinte, não?

Não são muitas as pessoas que abrem paredes falsas em casa…

Há notícia, longínqua, de haver uma parede falsa no apartamento do ínclito banqueiro, quando agentes da Operação Satiagraha (que breve renascerá…) o visitaram, na Zona Sul do Rio, cedo, de manhã…

Há outro ponto de contato entre Paulo Preto, Serra e Daniel Dantas.

A filhinha do Serra e a irmãzinha do Dantas eram sócias num empreendimento financeiro em Miami (em Miami!!!).

Como diria o desencantado Mino Carta, é tudo a mesma sopa!

PHA

1-Em tempo: não é só o Serra que a colonista da Puglia (ou de outra aprazível região da Itália) protege: o nome de Daniel Dantas é proibido de aparecer no PiG! – PHA

Reprodução: DCM

2-Em tempo:

*Paulo Preto

O Ministério Público Federal pediu à Justiça que Paulo Vieira de Souza, ex-diretor da Dersa (estatal paulista de rodovias) conhecido como Paulo Preto, seja condenado a cerca de 80 anos de prisão na primeira ação da Lava Jato de São Paulo.

Nela, o ex-diretor é réu sob suspeita de peculato (desvio de dinheiro público), inserção de dados falsos em sistema de informação e formação de quadrilha.

A Procuradoria diz que ele desviou verbas públicas em reassentamentos de moradores para a construção do trecho sul do Rodoanel, obra viária que circunda a capital paulista. O valor é de R$ 7,7 milhões e, corrigido, ultrapassa R$ 10 milhões.

Ele teria beneficiado, segundo a denúncia, quatro empregadas suas com unidades da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo) e auxílios-mudança, que deveriam ir para os atingidos pela obra.

(…)

** Serra

(Aqui, no Conversa Afiada, o José Serra merece o carinhoso tratamento de Careca, como consta da lista de alcunhas da Odebrecht, ou o maior dos ladrões).

O Serra rouba desde menino, desde o Governo Franco Montoro, de 1983!

Paulo Preto nada mais é que um laranja recente dos tucanos.

Do robanel tungano, quando Serra era governador.

Foi nesse desastroso governo que Paulo Preto se tornou popular no Palácio Bandeirantes, a ponto de emprestar dinheiro ao Chefe da Casa Civil, o Aloysio Nunes Ferreira, o Aloysio 500 mil da Odebrecht, para que ele comprasse um apartamento em… Hygyenópolis!

Paulo Preto é casa e cozinha com os tucanos.

Quem o denunciou foi o Adir Assad, notório doleiro dos… tucanos!

Paulo Preto é o operador do Serra.

O que importa é que a nova prisão do Paulo Preto se dá, agora, em novo cenário.

Primeiro, ela só se tornou possível porque o Sergio Moro se fez ministro e saiu da Lava Jato de Curitiba.

Como se sabe, quando a roubalheira do tucano Beto Richa bateu na mesa do Juiz Moro, em Curitiba, ele mandou de volta, porque estava com muito trabalho…

Como se sabe também, a Lava Jato do Moro só incriminou um tucano… um morto .

O Sergio Guerra…

Sem o Moro, a Lava Jato conseguiu agora pegar o Paulo Preto.

E deu um jeito de tirar o Paulo Preto do ninho do ministrário Gilmar Mendes.

Fez com que Paulo Preto, dessa vez, seja julgado, no Supremo, pelo Ministro Fachin.

Gilmar, como se sabe, já soltou Paulo Preto…

É uma característica dele… a generosidade…

O Daniel Dantas, o ínclito banqueiro está aí, soltinho, para comprovar…

Os baratões também.

Resta saber, agora, se Paulo Preto vai abandonar o Serra à beira da estrada.

E se vai cuspir os feijões.

Se cuspir, não sobra nem a poltrona mole do Fernando Henrique.

Não sobram os destroços do PSDB de São Paulo, depois da fulgurante votação do Santo do Alckmin para Presidente, quando obteve gloriosos 10% dos votos.

Paulo Preto é maior do que Geddel e que o PC Farias.

Ele pega o Queiroz e faz dele uma limonada.

Paulo Preto tem mais a cuspir que o Bebianno.

 

De José Marques e Wálter Nunes, na Fel-lha

Procuradoria quer pena de 80 anos a Paulo Preto, apontado como operador do PSDB

Fotoarte do Bessinha

 

.

https://www.conversaafiada.com.br/brasil/casa-laranja-do-serra-tinha-parede-falsa

 

 

 

También podría gustarte

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More