Brasil: «Golpe Não»- Frente Parlamentar Em Defesa da Democracia

Líderes e deputados de quatro partidos – PC do B, PT, PDT e PSB – em reunião hoje de manhã decidiram lançar uma Frente Parlamentar em Defesa da Democracia e do Estado de Direito. Ela deve constituir-se em núcleo orgânico de combate aos movimentos da oposição para remover a presidente Dilma Roussef da Presidência da República, seja através de impeachment por rejeição das contas de governo ou de processo por crime eleitoral. A iniciativa foi da líder do PC do B, Jandira Feghali.

– Agora vamos coletar assinaturas para formalizar a frente e ampliá-la como ação de resistência aos movimentos que buscam uma ruptura da ordem legal, do Estado de Direito e do respeito à vontade popular. Não há espaço para isso na democracia que nos custou tanto construir – diz Jandira.

A frente planeja para a próxima terça-feira a realização de um ato público em forma de assembleia aberta também a forças da sociedade, das 12 às 14 horas, para ampliar a ressonância da resistência aos movimentos que estão em marcha, mesmo com a avaliação de que perderam força depois da reação da presidente, de partidos aliados e outros protagonistas políticos e sociais.

Na Internet será criada uma fanpage com o tema «golpe não».

NOTICIAS ANTICAPITALISTAS